publicado por nobilissimavisione | Quarta-feira, 09 Junho , 2010, 23:46

BORBOLETA NOCTURNA

 

Belas asas de rumor

perdidas delinaeadas a sépia

na mesa da memória.

Mancha negra ao anoitecer

sobre a toalha. Tão longe

o eco dos cristais.

 

Fiama Hasse Pais Brandão in Ecos / Três rostos (1989)


mais sobre mim
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO