publicado por nobilissimavisione | Sábado, 09 Maio , 2009, 20:23

No livro de Tony Judt referido no post anterior surge, no texto sobre a Roménia, uma figura muito curiosa, a Princesa Brianna Caradja. Diz Tony Judt que "O número de Fevereiro de 2000 da revista masculina de Bucareste Plai cu Boi apresenta uma tal princesa Brianna Caradja. Vestida de diversas maneiras, de cabedal ou pouco mais, ela desdobra-se nas páginas centrais num conjunto de poses em foco suave, a maltratar servos meio nus. Os subalternos, de bata, cortam lenha, puxam trenós e esfalfam-se contra um tractor ferrugento a vapor, agrilhoados às suas tarefas, enquanto a princesa Brianna (ao que parece, uma princesa verdadeira), se inclina lascivamente sobre as suas peles, de chicote na mão, fitando com desdém os homens e a objectiva, num cenário rural que faz lembrar Nem Guerra Nem Paz de Woody Allen" (p. 258).

 

Dada a sugestiva fonética do nome, e partindo de uma tola presunção de proximidade entre o romeno e o português, imaginei que seria malandrice. Mas não, é coisa séria (o nome), como aliás Tony Judt dá a entender. A actual Princesa Caradja é neta da Princesa Ecaterina Olimpia  Caradja (1893-1993), uma célebre aristocrata e filantropa romena. Vale a pena dar aqui uma vista de olhos na sua vida aventurosa, da qual faço um breve resumo: raptada pelo pai aos 3 anos, a mãe morre antes de a conseguir encontrar. Vem a ser descoberta num convento em França por uma tia, que a ajuda a fugir. Dedica-se a obras sociais na Roménia no período entre as duas Guerras. Perde o marido e as duas filhas mais velhas entre 1933 e 1940. Durante a II Guerra Mundial ocupa-se das tripulações sobreviventes dos aviões aliados abatidos sobre os campos petrolíferos romenos, perto dos seus domínios, ficando conhecida entre os aviadores como o "Anjo de Ploesti". Em 1952 foge da Roménia com a ajuda dos serviços secretos franceses, e chega aos Estados Unidos em 1955, não obstante J. Edgar Hoover (e o Senador Mc Carthy ) a considerarem - sem razão - uma agente comunista. Regressa à Roménia em 1991, com 98 anos, aí falecendo centenária 2 anos depois.

 


mais sobre mim
Maio 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15

17
18
21
22

25
26
27
28

31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO